A imagem sacra de Nossa Senhora da Imaculada Conceição que se encontra na Igreja Matriz de Guaranésia, data do final do Século XVIII (entre 1750-1800), contando hoje com aproximadamente 268 anos de idade. Ela foi tombada como Patrimônio Histórico de Guaranésia em maio deste ano.

Por suas características físicas e principalmente faciais, o restaurador Gilson Ribeiro, do Atelier Ânima de São João Del Rey, atribuiu sua autoria ao Mestre Oliveira, reconhecido Mestre Santeiro da região de Oliveiras/MG. Embora tenhamos feito diversas pesquisas sobre como esta imagem veio para Guaranésia, não há nenhum registro ou documento que comprove sua origem.

O primeiro documento encontrado, trata-se de um artigo do jornal “Monitor Mineiro”, datado de 23 de março de 1903, onde o Padre Nicolau Scuracchio convida a população para a cerimônia de coroação da Imaculada.

Há 115 anos, ela já estava em nossa cidade sendo coroada pelas crianças guaranesianas.
Quantos guaranesianos ela viu nascer?
Há quantas gerações ela sobreviveu?
E, se não fosse pela intervenção do Conselho do Patrimônio e da Prefeitura Municipal, através da Secretaria de Cultura, Esporte e Turismo esta preciosidade histórica teria se perdido, deteriorada por cupins.

Finalmente está chegando a hora de recebê-la de volta em nossa cidade.

No primeiro dia do ano, ela vai voltar para casa, restaurada e com todo o seu esplendor original.

A herança de nossos filhos e netos está recuperada e protegida, garantindo que mais e mais “mãozinhas guaranesianas” também possam coroá-la por muitos anos mais.

Convidamos a todos, para no dia 1º/01/2019, às 19 horas, na Igreja Matriz de Santa Bárbara, participarem da celebração da entrega da imagem à população.

SEMPAC – Setor Municipal de Patrimônio Artístico e Cultural de Guaranésia!

Free WordPress Themes, Free Android Games